SINDÁGUA – DF INFORMA

SINDÁGUA – DF INFORMA

NOTA DE REPÚDIO

O Sindágua-DF, como legitimo representante da categoria do saneamento do Distrito Federal, vem a público repudiar a ação da gestão da CAESB de fechamento dos escritórios de atendimento ao público, alegando a falta de funcionários.

Não é de hoje as constantes ações do governo distrital e de alguns gestores da Caesb, em sucatear a empresa de saneamento, referência nacional, com ausência de manutenção, abandono de instalações e não contratação de novos trabalhadores concursados.

O Sindágua-DF esteve no escritório de Brazlândia nesta segunda-feira, 14, e constatou o fechamento do mesmo. Contudo, a CAESB não se dignou nem ao menos de fixar uma faixa, uma placa ou mesmo um cartaz comunicando à população quanto ao seu fechamento, ficando esta tarefa a cargo da vigilância do escritório, em total desrespeito à comunidade.

Em reunião recente com o Presidente da CAESB, este Sindicato reivindicou providências no sentido de reavaliar e não fechar o escritório. Agora a população de Brazlandia não conta mais com um escritório próprio da companhia, ficando com a prestação do serviço comprometido, um total falta de respeito com a população.

O fechamento deste escritório significa o fim de vez de equipes residentes de manutenção e vistoria. E ainda pior, para ter acesso a serviços como “carta de habite-se” e “recursos de multas”, a população terá de se deslocar ao escritório mais próximo que fica em Ceilândia, à 27 quilômetros de distância.

Ausência de empregados públicos é fato grave no atendimento à população e a CAESB tem toda a condição contratá-los, em cadastro de reserva do concurso ainda vigente, e de realizar novos concursos.

Não podemos aceitar a sobrecarga à funcionários ou mesmo fechamento de postos de atendimento por ausência de empregados, pois quem sofre é a população.

CONCURSO PÚBLICO JÁ

UNIDADE . RESISTÊNCIA . LUTA

Sindagua Brasília

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.